A calvície, também conhecida como Alopécia Androgenética (AAG), pode ter origem nas disfunções hormonais, mas na maior parte dos casos, a calvície é uma manifestação fisiológica ocorrida em pessoas predispostas geneticamente, ou seja, não é considerada uma doença, mas sim uma herança genética que pode ser de origem materna ou paterna.

A calvície vem atingindo homens e mulheres em número cada vez maior. Ela se manifesta de forma diferente de acordo com o gênero. Confira a diferença entre os casos de calvície feminina e calvície masculina: